Notícias

Imóveis de alto padrão vão aquecer mercado imobiliário em 2017

Imóveis de alto padrão vão aquecer mercado imobiliário em 2017

Imóveis de alto padrão vão aquecer mercado imobiliário em 2017

Depois de um ano marcado por crises políticas e recessão econômica, o cenário para 2017 é bem mais otimista. Queda na inflação – segundo o Banco Central, a estimativa é de que o índice diminua para 5,07% -, redução nas taxas de juros e o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), que deve ficar em 1,3%, marcam uma nova fase na economia.

Os dados parecem tímidos, mas são extremamente positivos. De olho na retomada, o Governo Federal tem aprovado medidas positivas que atingem diversos segmentos da economia brasileira. O imobiliário é um deles. No dia 16 de fevereiro, o Ministério do Planejamento anunciou que o Conselho Monetário Nacional (CMN) aumentou o valor para compra de imóveis usando recursos do FGTS.

Entenda as mudanças nos valores

No Rio de Janeiro, em São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal, o teto para compra de imóveis usando recursos do FGTS era de R$ 950 mil. Em outras regiões, o valor máximo era de R$ 800 mil. O novo valor é de R$ 1,5 milhão e deve movimentar especialmente os negócios relacionados a imóveis de alto padrão. “A liberação é ideal para alavancar a venda destes imóveis. O novo teto aumenta o leque de possíveis compradores”, destaca Milton Ribeiro, diretor da Axis 21, imobiliária curitibana especializada na venda de imóveis deste nicho. Entre estes possíveis compradores, empresários e executivos que buscam um upgrade no estilo de vida.

Casa dos sonhos pode se tornar uma realidade em 2017

Ribeiro acredita que este novo valor deve aquecer o mercado e aumentar as vendas de imóveis que, até então, eram vistos apenas como sonho de consumo: “Muitas pessoas que estavam buscando imóveis na faixa de R$ 800 mil agora vão buscar opções de maior valor, que vão de R$ 1 milhão a R$ 1,5 milhão. A oferta deve ser maior do que a procura, estimamos um crescimento de 20% nos negócios este ano”, explica. Outro ponto favorável será a concorrência entre os bancos, que deve diminuir as taxas de juros para financiamento.

Vender imóveis de alto padrão também tem seus desafios, que vão muito além da parte financeira. O diretor da Axis 21 destaca que a imobiliária possui uma infraestrutura especialmente preparada para atender a um público bem mais exigente. O trabalho começa na pré-seleção dos imóveis: “Nós somos muito seletivos. Buscamos bons imóveis, que sejam bonitos, descolados, que estejam bem decorados. Utilizamos a técnica de home staging para preparar os imóveis para a venda”, conta Ribeiro.

Além disso, a Axis 21 possui uma equipe de corretores especializados em atendimento personalizado e oferece diversas comodidades aos seus clientes: despachante gratuito, aprovação de crédito dentro da própria empresa, acompanhamento jurídico e uma criteriosa análise de documentação. “Só vendemos imóveis depois de analisar toda a documentação e ter certeza de que eles atendem às necessidades do nosso cliente. Por conta de todo este cuidado, hoje somos referência na venda de imóveis de alto padrão”, finaliza Milton Ribeiro.

Fonte: Obra24horas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *